A Vida Mental é uma prestadora de serviços de saúde mental  e nutrológica com finalidades preventiva, clínica, educativa e de avaliações periciais, incluindo Exame de Sanidade Mental em Psiquiatria Forense.
A seguir você encontrará as questões do Questionário de Crenças Obsessivas (OBQ-44). O OBQ-44 tem como objetivo avaliar as crenças disfuncionais mais frequentes em pacientes com Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC). É um instrumento útil na avaliação inicial do seu paciente para verificar nas seguintes avaliações quais domínios de crenças se modificaram ao longo do tratamento (quais estão mais elevadas, quais diminuem ou se modificam).
INSTRUÇÕES PARA O TESTE
 
Entrevistador

Digite seu nome completo abaixo:
 
Olá! Dr(a) {{answer_56355649}}. Abaixo estão as questões do Questionário de Crenças Obsessivas (OBQ-44). Verifique se seu paciente está confortável, e o oriente para que ele responda de acordo com o que realmente vive, sente e faz, ou seja, o mais honestamente possível. Você poderá registrar as respostas dele, e ao final receberá o resultado no seu e-mail. Lembre-se: o resultado de nenhum instrumento representa um diagnóstico, que sempre deve ser feito pelo profissional de saúde. Qualquer dúvida, entre em contato pelo: contato@vidamental.com.br

 
Paciente

Digite o nome completo do paciente abaixo:
 
Idade

Digite apenas números
 
Sexo


 
Este inventário lista diferentes atitudes ou crenças que as pessoas algumas vezes apresentam. Leia cada afirmativa  cuidadosamente e decida o quanto você concorda ou discorda em relação a ela. Para cada uma das alternativas, escolha o número correspondente à resposta
que melhor descreve como você pensa. Pelo fato das pessoas serem diferentes, não há respostas certas ou erradas. Para decidir se uma determinada afirmativa é típica de sua maneira de ver as coisas, simplesmente tenha em mente o que você é na maior parte do tempo.

IMPORTANTE: ao atribuir suas notas, tente evitar o ponto médio da escala (4), indicando, de preferência se você usualmente discorda ou concorda com as afirmativas sobre suas próprias crenças e atitudes.
 
1. Eu frequentemente penso que as coisas ao meu redor são perigosas. *


 
2. Se eu não tiver absoluta certeza de alguma coisa, com certeza eu vou errar. *


 
3. As coisas deveriam ser perfeitas de acordo com as minhas próprias normas/regras. *


 
4. A fim de ser uma pessoa de valor (digna), eu devo ser perfeito em tudo que faço. *


 
5. Quando eu percebo que tenho chance, eu devo agir para evitar que coisas ruins aconteçam. *


 
6. Mesmo que algo ruim tenha pouca probabilidade de ocorrer, devo tentar prevenir a qualquer custo. *


 
7. Para mim, ter vontade de fazer algo ruim é o mesmo que fazê-lo. *


 
8. Se eu não agir quando sentir o perigo, serei responsável por quaisquer consequências. *


 
9. Se eu não puder fazer algo perfeito, eu não deveria fazer nada. *


 
10. Eu devo dar o máximo de mim o tempo todo. *


 
11. É muito importante para mim considerar todas as alternativas possíveis de uma situação. *


 
12. Mesmo tendo pequenos erros, significa que o trabalho não está completo. *


 
13. Se eu tiver pensamentos ou impulsos agressivos sobre as pessoas importantes para mim, isto significa que, secretamente, eu quero machucá-las. *


 
14. Devo sempre ter certeza das minhas decisões. *


 
15. Em todas as atividades diárias, falhar em prevenir os danos é tão ruim quanto provocá-los. *


 
16. Evitar problemas graves (por exemplo, doença ou acidentes) exige constante esforço da minha parte. *


 
17. Para mim, não prevenir dano é tão ruim quanto causá-lo. *


 
18. Eu deveria ficar triste se cometer um erro. *


 
19. Eu devo ter certeza que os outros estejam protegidos de quaisquer consequências negativas das minhas decisões ou atos. *


 
20. Para mim, as coisas não estão corretas se não estiverem perfeitas. *


 
21. Ter pensamentos horríveis significa que eu sou uma pessoa má. *


 
22. Se eu não tomar cuidados extras (além dos usuais), eu tenho mais chance do que os outros de sofrer ou causar um sério acidente. *


 
23. Para eu me sentir seguro, tenho que estar tão preparado quanto for possível para qualquer coisa que possa dar errado. *


 
24. Eu não deveria ter pensamentos bizarros ou revoltantes. *


 
25. Para mim, cometer um erro é tão ruim quanto falhar totalmente. *


 
26. É essencial que tudo seja bem claro (compreensível), mesmo nos mínimos detalhes. *


 
27. Ter pensamentos pecaminosos é tão ruim quanto cometê-los. *


 
28. Eu deveria ser capaz de livrar minha mente de pensamentos indesejáveis. *


 
29. Eu tenho mais probabilidade do que as outras pessoas de, acidentalmente, causar danos a mim mesmo ou aos outros. *


 
30. Ter maus pensamentos significa que eu sou estranho ou anormal. *


 
31. Eu devo ser o melhor nas coisas que são importantes para mim. *


 
32. Ter um pensamento ou imagem sexual indesejados significa que eu realmente quero realizá-los. *


 
33. Se minhas ações pudessem ter um efeito, mesmo pequeno, sobre alguma possível desgraça, eu seria o responsável pelo ocorrido. *


 
34. Mesmo quando eu sou cuidadoso, eu frequentemente penso que coisas ruins irão ocorrer. *


 
35. Ter pensamentos intrusivos (que involuntariamente invadem a minha mente) significa que eu estou fora de controle. *


 
36. Eventos prejudiciais poderão acontecer, a menos que eu seja muito cuidadoso. *


 
37. Eu devo trabalhar em algo até que fique perfeito. *


 
38. Ter pensamentos violentos significa que eu vou perder o controle e me tornarei violento. *


 
39. Para mim, não conseguir evitar um desastre é tão ruim quanto causá-lo. *


 
40. Se eu não fizer um trabalho perfeito, as pessoas não me respeitarão. *


 
41. Mesmo experiências comuns (do dia a dia), na minha vida, são cheias de risco. *


 
42. Ter um mau pensamento equivale moralmente a praticar uma má ação. *


 
43. Não importa o que eu faça, nunca será bom o suficiente. *


 
44. Se eu não controlar meus pensamentos, eu serei punido. *


Dr.(a) {{answer_56355649}}
A avaliação do(a) paciente {{answer_15309882}} foi concluída e sua pontuação final {{var_score}}.
As respostas, assim como a interpretação e pontuação final serão direcionadas ao e-mail do entrevistador!

Caso haja necessidade refaça o teste clicando abaixo:
Reiniciar teste